ACESSO AOS CONTEÚDOS PRIVADOS

1Terá que ser nosso associado
2Faça login
3Pode aceder a  qualquer conteúdo

Se ainda tem problemas contacte os nossos serviços para geral [ @ ] atam.pt . Obrigado pela sua visita!

CRIAR CONTA

*

*

*

*

*

*

PERDEU A SUA PALAVRA-PASSE

*

As prioridades políticas dos governos locais: Análise empírica da alocação das despesas municipais

Carla Rocha
Tendo em conta a satisfação das necessidades das populações que representam e confrontados com a escassez de recursos, cada governo local desenvolve diferentes políticas públicas, isto é, estabelece diferentes prioridades. No entanto, nem todos gastam o dinheiro da mesma forma. Quais serão então as prioridades dos municípios portugueses? De que forma os municípios despendem os seus recursos? Que factores justificarão a variabilidade das prioridades políticas entre os municípios?
 
Neste trabalho, recorremos a um design cross section testando um modelo empírico para os 278 municípios de Portugal Continental, no ano de 2001. O modelo visa analisar a variabilidade das prioridades políticas nos municípios portugueses através da análise dos tipos de despesas levadas a cabo pelos diferentes governos locais.
Os resultados empíricos permitem-nos concluir que as variáveis que representam a procura política dos cidadãos, são os principais determinantes das prioridades políticas, isto é, são as necessidades das populações que fazem com que os decisores políticos optem por desenvolver determinadas políticas públicas.
TOPO