ACESSO AOS CONTEÚDOS PRIVADOS

1Terá que ser nosso associado
2Faça login
3Pode aceder a  qualquer conteúdo

Se ainda tem problemas contacte os nossos serviços para geral [ @ ] atam.pt . Obrigado pela sua visita!

CRIAR CONTA

*

*

*

*

*

*

PERDEU A SUA PALAVRA-PASSE

*

ADSE vai ser alargada a todos os trabalhadores do Estado

Expresso

ADSE vai ser alargada a todos os trabalhadores do Estado 

Entrevista a Alexandra Leitão, Ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública

 12 de setembro de 2020

“Há uma lógica solidária na ADSE que gosto de acentuar”

 

O Governo pretende abrir, até ao final do ano, o subsistema de saúde dos funcionários públicos aos contratos individuais de trabalho adianta, em entrevista ao Expresso, a ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública.

em um caderno preto onde anota a informação importante sobre a ADSE, o subsistema de saúde dos funcionários públicos, cuja tutela ‘herdou’ no final do ano passado. Nessa altura, Alexandra Leitão, ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, fez questão de reunir com um grupo de elementos do organismo e participou numa reunião do Conselho Geral e de Supervisão (CGS) da ADSE, do qual fazem parte sindicatos da função pública e associações de beneficiários, para se por a par do novo pelouro.

Percebe-se que o dossiê, embora desafiante e cheio de pontas soltas, entusiasma a governante, ao ponto de considerar que num momento de viragem a ADSE merece uma entrevista autónoma, fora do âmbito das restantes áreas que lidera. Durante uma hora, Alexandra Leitão revelou as prioridades para o instituto público que dá proteção na saúde a mais de 1,2 milhões de beneficiários e gere acima de €678 milhões (proveitos operacionais em 2019) — quase tanto quanto vale o mercado dos seguros de saúde privados em Portugal. "Há uma lógica solidária na ADSE que gosto de acentuar", indica.

Lei o artigo exclusivo do Semanário Expresso em https://expresso.pt/economia/

TOPO